• Cid Antunes da Costa

UM HERÓI CHEGA AO TEMPLO DO REI SALOMÃO

SATYRO MANOEL COELHO

Mestre Maçom, Militar a excelência da palavra, exemplo de homem simples, sério, leal, honesto, descendente do mortal Marechal Antônio Maria Coelho, Comandante da retomada de Corumbá, na guerra com o Paraguai.


Quanto orgulho para seus familiares e amigos principalmente os Maçons, eu tive o privilegio de privar de sua amizade, tanto no Quartel 17º BC como na Loja Estrela do Oriente, quando era jurisdicionada ao GOB, e também era Seletiano, fazia parte do Quadro da SSCH.


Tenho certeza em afirmar que lá bem no cantinho do Panteão dos heróis, terá um banquinho reservado a este homem exemplar, homem livre e de bons costumes, enquanto nós aqui choramos a sua partida lá na Loja Celestial, anjos e querubins o recebem com um coro Celestial.


Descanse em paz SATIRÃO, um dia não sei quando, nos encontraremos numa dessas esquinas da vida eterna.

Que o pó volte a terra e o espírito a Deus que o deu.